Auxílio Taxista 2022: confira o calendário e veja quem tem direito a receber o auxílio

  Ads  

O Bem-Taxista (Benefício Emergencial aos Motoristas de Táxis), é destinado aos motoristas de táxi. Essa medida faz parte da PEC Kamikaze, aprovada pelo governo em julho de 2022. O custo é uma ajuda devido ao aumento exponencial do valor dos combustíveis.

Os pagamentos começaram no último dia 16 de agosto e o depósito é de 6 parcelas de R$1.000. Tire suas dúvidas sobre o pagamento, funcionamento do auxílio e confira se você tem direito de receber o benefício.

Quem pode receber?

  Ads  

Os taxistas registrados na prefeitura de cada cidade irão receber o valor automaticamente. A prefeitura será responsável por encaminhar esses dados para o Ministério do Trabalho e Previdência. Além disso, é importante o profissional ter:

  • CPF e CNH regularizados;
  • Concessão, permissão, licença ou autorização emitida pelo município;
  • Autorização ou alvará com CPF e não CNPJ. O valor será pago apenas a pessoa física.

É importante lembrar que esse benefício não será pago para quem já recebe o Auxílio Caminhoneiro e será permitido apenas um motorista por CPF.

Qual o valor e como será pago o benefício?

O valor do pagamento é de R$6.000 (seis mil reais) dividido em 6 parcelas. Esse primeiro pagamento deverá contemplar duas parcelas, referentes aos meses de julho e agosto.

O dinheiro é depositado automaticamente na conta da Caixa e pode ser acessado pelo aplicativo Caixa Tem.

  Ads  

Confira o calendário de pagamento do Auxílio Taxista

Por enquanto, só a primeira e segunda parcela foram pagas juntas. A partir disso, ainda está em aberto. Isso porque, é preciso esperar que as prefeituras enviem as informações e o Ministério faça a conferência de todos os dados. Confira o calendário:

  • 30 de agosto: 1ª e 2ª parcelas para aqueles que se regularizarem;
  • 24 de setembro: 3ª parcela;
  • 22 de outubro: 4ª parcela;
  • 26 de novembro: 5ª parcela;
  • 17 de dezembro: 6ª parcela.

 

Motoristas de aplicativo vão receber o benefício?

Não. O valor será destinado apenas aos motoristas de taxis que possuem cadastro na prefeitura.

Auxílio Taxista nas regiões

  Ads  

São Paulo é o estado com o maior número de beneficiários. Cerca de 55.743 taxistas aptos a receber o benefício. Em seguida está o Rio de Janeiro, com 21,12% do total de participantes do programa. E em terceiro lugar está Minas Gerais, com 10,22%.

Por outro lado, os estados com o menor número de atendidos são Tocantins, Amapá e Roraima, com 0,12%, 0,17% e 0,33%, respectivamente. Na unidade federativa do Tocantins, apenas 297 motoristas podem receber o auxílio.

Em relação às cidades, os resultados não são diferentes. Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte lideram o pódio com um número maior de beneficiados. As capitais Fortaleza e Salvador também representam uma boa porcentagem.

Atualizações

As prefeituras que não conseguiram enviar os dados até o dia 15/08, terão uma última oportunidade entre 20 de agosto a 11 de setembro desse ano. Nesse caso, os incluídos no Bem-Taxista vão receber as parcelas somente de setembro a dezembro. Já os cadastrados nas duas primeiras etapas, receberam no último dia, 16/08.

O benefício faz parte do pacote social pré-eleitoral criado pela chamada PEC Kamikaze, promulgada pelo Congresso no dia 14 de julho. Entre outros pontos, a emenda constitucional aumentou o valor do Auxílio Brasil de R$ 400 para R$ 600, ampliou o vale-gás e criou um “voucher” para caminhoneiros e um auxílio para taxistas. O custo total do pacote pré-eleitoral chega a R$ 41,2 bilhões. No caso dos taxistas, o total liberado é de R$ 2 bilhões.

  Ads  
cdd
cdd