Auxílio Brasil: saiba o que é e quem pode receber

  Ads  

Está passando por uma situação financeira ruim ou até mesmo está desempregado? Saiba que há soluções por meio de auxílios financeiros oferecidos pelo governo. 

Quem já recebeu pelo Programa Bolsa Família já deve conhecer os programas criados pelo governo para ajudar financeiramente a população. 


Confira as últimas atualizações do calendário do Auxílio Brasil

  Ads  

Portanto, é bom ficar atento que nos últimos anos houve mudanças com a chegada do novo auxílio. Neste artigo, você vai saber as informações principais sobre o Auxílio Brasil. 

Confira o que é o Auxílio Brasil e quem pode receber, bem como suas especificidades. 

O que é o Auxílio Brasil?

Para quem está por fora do que se trata o Auxílio Brasil, ele veio de uma criação vigente do governo Bolsonaro para substituir o Bolsa Família, determinando novas medidas para avaliar a vida financeira da população. 

  Ads  

Além de certificar que a maior parte dos beneficiários tenha acesso à vida digna, com famílias em situação de pobreza e extrema pobreza sendo amparadas pelo programa.
E mais, o governo tem como objetivo alinhar no desenvolvimento dos membros de famílias brasileiras, como crianças, adolescentes e jovens. Uma vez que, além do valor pago, soma-se também outros benefícios complementares como: Bolsa de Iniciação Científica Júnior, Auxílio Esporte Escolar e Auxílio Inclusão Produtiva Rural.

Quem pode participar do programa?

​Como citamos acima, o programa tem como propósito auxiliar as famílias na superação da pobreza e extrema pobreza. Ou seja, famílias que estejam nesta situação, em sua composição, gestantes, mães que amamentam, crianças, adolescentes e jovens entre 0 e 21 anos incompletos.

Para entender melhor: famílias extremamente pobres são aquelas que têm renda familiar per capita mensal igual ou inferior a R$ 105,00. 

Quanto às famílias pobres são aquelas que têm renda familiar per capita de R$ 105,01 e R$ 210,00.

  Ads  

Portanto, para fazer a inscrição no Auxílio Brasil é preciso que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e tenha atualizado os dados pessoais e cadastrais nos últimos 2 anos.

Para aqueles que não estejam inscritos, procure o responsável pelo Programa na prefeitura de sua cidade para realizar o cadastramento no Cadastro Único.

Por fim, mantenha sempre seus dados atualizados, comunicando à prefeitura qualquer mudança de endereço, telefone de contato e pessoas que compõe a sua família, como: nascimento, morte, casamento, separação e adoção.

Observação: fazer o cadastro no Auxílio Brasil não quer dizer que você já tem direito a ele. Pois, mensalmente o Ministério da Cidadania seleciona, de forma automatizada, as famílias que serão incluídas para receber valores do programa.

Saiba mais:
Auxílio Maternidade

Melhores Aplicativos Para Gerar Renda Grátis

  Ads  
cdd
cdd